Wednesday, December 10, 2008

Então

um homem geme porque
o corpo da mulher que recusa
se enrosca e
a recusa é doce e um homem geme
enquanto a mulher se ausenta
estica o corpo até às nuvens
enfia os dedos no ânus das nuvens e
está frio na ponta dos seus dedos então
a mulher cose as nuvens umas às outras
monta um carrossel para se aquecer
e disse tomai os meus vestidos enfiai-os que não os quero mais
e empinou o corpo
finalmente a mulher remata o homem enrosca-se então

(Bénédicte Houart)

3 comments:

miss red said...

poema lindo. o teu blog são fiapos que vais apanhando da tua própria realidade, revistos pelos olhos de outros? ou não? já não te vejo à muito tempo. um dia destes tomamos um café? beijnho

blá blá bá said...

'o teu blog são fiapos que vais apanhando da tua própria realidade, revistos pelos olhos de outro'

Sim. São fiapos da realidade de outros, que projecto à minha realidade. :) Serve também de arquivo online.

Depois de ter vindo a ler o teu blog, acho que tens more than meets the eye. Concordo contigo. Vamos tomar um café. Beijinho.

miss red said...

marca hora e data, cara mia!

jocas